Linguagem - Língua macedônia

Linguagem  >  Língua macedônia

Língua macedônia

O (, transl. makedonski, ) é uma língua indo-europeia, pertencente ao grupo oriental das línguas eslavas meridionais, idioma oficial da Macedônia do Norte. O macedônio é parente próximo do búlgaro, com quem partilha um alto grau de inteligibilidade mútua, além de, até certo ponto, com o sérvio, com o bósnio e com o croata.

A Macedônia é uma região dos Bálcãs que tem esse nome desde os tempos antigos, quando estava unida ao Epiro a sudoeste, Tessália ao sul e Trácia a leste. Atualmente nessa região existe a República da Macedônia do Norte, o distrito búlgaro de Blagoevgrad e a província grega da Macedónia, no norte da Grécia; também se podem incluir porções limítrofes da Albânia oriental.

Não confundir com a língua macedônia antiga, parente do grego falada no estado helénico da Macedônia, nos séculos V e V a.C. e até possivelmente antes. O macedónio moderno é uma lingua eslava dos povos eslavos do sul. Surge quando o grupo búlgaro invadiram e se estabeleceram nos Bálcãs no séculos VI e VII; como resultado poderíamos definir a atual língua da Macedônia do Norte.

A conquista dos Bálcãs pelo Império Otomano nos séculos XIV e XV provocou uma interrupção da continuidade cultural na alfabetização eslava nessa região, pelo que a história do moderno eslavo macedônio literário começa na última parte do século XVIII com o nascimento do nacionalismo búlgaro.

Esta história pode-se dividir em cinco períodos:

* 1794-1840: primeira publicação de dialetos eslavo-macedônios - as grandes figuras deste período publicaram obras eclesiásticas e didáticas baseadas em seus dialetos locais. Seu interesse era estabelecer uma literatura vernacular eslava em oposição à arcaica influência do eslavo eclesiástico ou à helenizante Igreja Ortodoxa Grega, à qual pertence a maior parte dos eslavo-macedônios e búlgaros. Os autores deste período chamam a sua língua vernácula de búlgaro.

* 1840-1870: surgimento das obras seculares usando dialetos macedônios - a batalha para fazer surgir uma literatura vernacular se manifesta em dois centros literários principais no território eslavo macedônio-búlgaro: um no nordeste da Bulgária e outro no sudoeste da Macedônia.

* 1870-1912: Surgimento do macedonianismo - o estabelecimento do Exarcado Búlgaro, a igreja autônoma da Bulgária em 1870, marca a vitória definitiva do helenismo. É a partir deste período que temos as primeiras declarações insistindo que o macedônio é uma língua separada do búlgaro e do sérvio, mesmo que estas ideias já tivessem sido expressadas em épocas anteriores, mas em correspondências e documentações privadas.

* 1912-1944: da guerra dos Bálcãs até a Segunda Guerra Mundial - em 18 de outubro de 1912, os reinos da Bulgária, Grécia e Sérvia se unem contra a Turquia na primeira guerra dos Bálcãs. Menos de um ano depois, a Macedônia foi repartida entre esses três aliados, pondo fim ao desenvolvimento da literatura macedônia fora das fronteiras da Iugoslávia, exceto no período de 1946-1948, quando os eslavo-macedônios de Pirin foram reconhecidos como minoria na Bulgária. Na Iugoslávia, o eslavo-macedônio foi tratado como um dialeto do sérvio, mas o governo iugoslavo permitiu desenvolver a literatura eslavo-macedônia sobre a a base de uma literatura de dialeto. Durante este período, os lingüistas de fora dos Bálcãs publicaram estudos que enfatizavam a distinção do macedônio em relação ao servo-croata e ao búlgaro.

* 1944: estabelecimento da literatura macedônia - durante a Segunda Guerra Mundial, os comunistas ocuparam a Macedônia e em 2 de agosto de 1944 o macedônio foi declarado língua oficial da República da Macedônia. A normatização da literatura macedônia começou rapidamente após o seu reconhecimento oficial, em parte porque um dialeto comum já estava em uso. A região central ocidental, que é a de maior área e população, forneceu uma base dialetal de forma que os falantes de outras regiões podiam ajustar sua fala de forma cômoda. Um grande problema é que Skopje, a capital e principal centro cultural, está fora dessa região dialetal centro-ocidental, estando a república sob influência servo-croata.

País

República da Macedónia

A (Република Македонија, transl. Republika Makedonija, ) ou República de Vardar é um país localizado na península balcânica, no sudeste da Europa. É um dos estados sucessores da antiga Iugoslávia, da qual declarou independência em 1991.

O país tornou-se membro das Nações Unidas em 1993, mas, como resultado de uma disputa em curso com a Grécia sobre o uso do nome Macedônia, foi admitido sob a descrição provisória de (em macedónio Поранешна Југословенска Република Македонија — ПЈРМ),, um termo que também é usado por organizações internacionais como a União Europeia, o Conselho da Europa e a OTAN. Em 17 de junho de 2018, a Macedônia e a Grécia assinaram o acordo de Prespa, que faria com que o país mudasse seu nome para República da Macedônia do Norte, após um referendo nacional em 30 de setembro sobre o assunto e a legislação aprovada pelo parlamento.

Linguagem

Macedonian language (English)  Lingua macedone (Italiano)  Macedonisch (Nederlands)  Macédonien (Français)  Mazedonische Sprache (Deutsch)  Língua macedônia (Português)  Македонский язык (Русский)  Idioma macedonio (Español)  Język macedoński (Polski)  马其顿语 (中文)  Makedonska (Svenska)  Limba macedoneană (Română)  マケドニア語 (日本語)  Македонська мова (Українська)  Македонска литературна норма (Български)  마케도니아어 (한국어)  Makedonian kieli (Suomi)  Bahasa Makedonia (Bahasa Indonesia)  Makedonų kalba (Lietuvių)  Makedonsk (Dansk)  Makedonština (Česky)  Makedonca (Türkçe)  Македонски језик (Српски / Srpski)  Makedoonia keel (Eesti)  Macedónčina (Slovenčina)  Macedón nyelv (Magyar)  Makedonski jezik (Hrvatski)  ภาษามาซิโดเนีย (ไทย)  Makedonščina (Slovenščina)  Maķedoniešu valoda (Latviešu)  Σλαβομακεδονική γλώσσα (Ελληνικά)  Tiếng Macedonia (Tiếng Việt) 
 mapnall@gmail.com